Postagem em destaque

CONHEÇA A CÂMARA EXTERNA DA ORDEM ROSACRUZ, AMORC

Caro Buscador, Seja bem-vindo à Câmara Externa da Antiga e Mística Ordem ROSACRUZ, AMORC! Esta modalidade de aproximação...

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

ANO NOVO JUDAICO - 5776 - Rosh Hashaná




                ANO NOVO  JUDAICO -  5776




Os nomes relativos às festividades judaicas têm origem normalmente na Torá (a instrução escrita na Bíblia), Torá oral (a instrução oralmente transmitida entre as gerações desde o recebimento da Torá).
 
Rosh Hashaná ראש השנה ,( literalmente "primeiro do ano") é o nome dado ao ano-novo no judaísmo.  Poucos sabem de sua impressionante importância mística e espiritual. É uma data cósmica, calculada de acordo com o calendário lunar e que, na realidade, dura dois dias.
 
Um dos feriados mais importantes do calendário judeu, a festividade de ano novo 5776 devido a ser um calendário lunar e não solar, começa  (domingo, dia 13 de setembro ), ao entardecer, e segue até terça-feira (dia 15).
 
 
Segundo a religião, a data foi escolhida por ser a época do plantio. O antigo povo judeu era bastante ligado à terra e, por isso, o período de plantio era considerado o começo do ano. A data se tornou mais importante entre os judeus quando parte deles retornou a Israel depois do exílio.
 
Os judeus comemoram este dia com uma challá redonda, pão trançado, mas que neste dia as Challas são feitas especialmente em forma redonda, devido ao fato de simbolizar o circulo anual do calendário, bem como à continuidade e eternidade.
Come- se maçã mergulhada em mel, romãs e tâmaras que sendo doces prenunciarão um ano bom para todos, o vinho usado na refeição desta data é doce acompanhando feijão, cabeça de peixe ou peixe com cabeça, bem como se come a romã à sobremesa juntamente com outros doces.
 
Nesta data festiva as pessoas desejam um feliz ano novo dizendo em hebraico "Shana Továh Umetukah" que literalmente quer dizer "Um Ano Bom e Doce"
 
 
Assim como nós comemoramos o ano novo, nossa alma também comemora um ano novo.  A bíblia nos ensina que este dia deve ser calculado de acordo com o calendário lunar, o que faz com que seja uma data móvel, que varia de ano a ano.
 
Segundo os grandes místicos, judeus e cabalistas, os 10 (dez) primeiros dias desse ano novo espiritual são importantíssimos. Nesse período, todas as almas traçam planos para a sua própria evolução, o que gera novos julgamentos (karma) pelo período de um ano inteiro. Por isso, durante esses 10 dias, podemos também ajudar nossa alma a libertar-se de velhos padrões, cancelando karmas negativos e substituindo-os por caminhos positivos e mais fáceis de cumprir.
 

Nesses 10 dias, é importante pedir perdão a todas as pessoas, deixando espaço para o divino entrar em nossas vidas. Também é importante efetuarmos caridades e orações por outras pessoas, tudo para demonstrarmos nossa humildade e merecimento de deixar para trás velhas barreiras e bloqueios. Finalmente, é importante efetuarmos meditações, rituais de conexão a essa data maravilhosa. Tudo para que possamos nos sintonizar com essa data cósmica e receber todos os benefícios que ela pode nos proporcionar, durante o período de um ano.
 
O primeiro dia do Ano Novo é chamado de o aniversário do Mundo, a Coroação da criação Divina, na qual o A-do-nai E-lo-hei-nu, nos terá dado o calendário lunar. O Ano Novo Judaico/Cabalístico pode ser definido como uma grande concentração de energia.
 

Todos aqueles que conhecem os segredos espirituais do Rosh Hashanah participam da celebração física deste dia sagrado,  libertam nossa alma de velhos padrões e gera paz, cura, prosperidade, melhora de relacionamentos, equilíbrio emocional e outras positividades em nossas vidas.
 
Segundo os cabalistas, esse período simboliza o grande e maior julgamento anual de todas as almas, para que recebam as bênçãos durante o período de um ano, tudo de acordo com o amor existente em seus corações. Por essa razão, devemos abrir nosso coração com todo o nosso amor para dar e pedir perdão a todas as pessoas, deixando espaço para o divino entrar em nossas vidas com toda a Sua Positividade.
 
Toda negatividade é um fruto ruim colhido por nós, por ações ou omissões negativas que efetuamos nesta ou em outras vidas. Mas nesse período, desde que estejamos dispostos a abrir nossos corações e a mudar nosso interior, podemos dissolver completamente toda negatividade na mais pura Luz do Criador.



Isso porque nesse período especial estamos conectados ao sexto dia da Criação, remetendo-nos ao jardim do Éden, Adão e Eva. Por isso, podemos retirar de nossas almas a influência negativa  e, assim, abrir espaço para o novo e o divino entrarem em nossas vidas, transmutando em pura luz qualquer negatividade.
 
Em razão da importância desta data e a conexão que ela nos permite, iremos fazer orações, meditações, tudo para que possamos nos sintonizar com essa data cósmica e expandir nossa recepção da Luz do Criador para esse ano cabalístico que se inicia.

 
O ano novo judaico/cabalístico é uma oportunidade de refazermos pactos: começar tudo de novo, mas agora com um novo grau de consciência. O período de 10 dias entre Rosh Ha Shana e Yom Kipur é precioso neste sentido. Por isso queremos convidar a todos aqui a se unir em torno do nascimento deste novo ser.
 
Faremos 10 exercícios diários, baseados no livro  "As Dez Leis da Realização". A cada dia vamos ler um capítulo do livro e nos dedicar na prática proposta para o mesmo.
 
Na segunda-feira, dia 14, faremos o primeiro. 
Os exercícios serão postados diariamente no blog ROSACRUZ - Jequié.


Desejamos um 5776 repleto de alegria e evolução!


Shana Továh Umetukah!! 

 Tradução: Um Ano Bom e Doce!!











Nenhum comentário:

Postar um comentário